• Rita Cachaço

A água que somos


Todos sabemos que grande parte de nós é água.

O corpo de um ser humano quando nasce, até aproximadamente aos dois anos, é composto por 75% deste elemento. À medida que vamos crescendo essa percentagem diminui um pouco, sendo um corpo adulto constituído em média por 60% de água. E vejam a coincidência (será que as há?): 71% do planeta Terra é coberto por água em estado líquido. Daqui se conclui a enorme importância deste elemento em nós. Em nós humanos e em nós planeta, pois somos um todo. Mas parece que esse tem sido exactamente o problema da nossa evolução na Terra. Parece que esquecemos o todo integrado que somos. O desenvolvimento e a vida moderna afastou-nos da Natureza e das outras espécies e acreditámos que estávamos à parte, e que de algum modo seriamos superiores e dominadores. Isso desconectou-nos e desequilibrou o sistema natural do planeta. Os resultados estão à vista e são preocupantes.

Que Planeta vamos deixar para as gerações futuras?

As águas estão tão poluídas que em poucos anos não irão suportar mais vida. Toda a toxicidade da água é passada para os peixes e consequentemente para quem os ingere. Além disso muitos países, incluindo o nosso, começam a perceber que a cada ano que passa o problema da seca e da falta de água agrava-se. As limitações de água potável começarão a ser cada vez maiores. Ainda assim, muitos vivem ignorando ou desvalorizando esta situação.

Eu sempre acreditei que todos nós somos responsáveis por mudar o mundo. Sempre defendi que se cada um fizer a sua pequena parte, todas as pequenas partes juntas formarão um grande todo. "You may say I am a dreamer, but I am not the only one!" Por isso partilho com vocês algumas dicas do que já faço, coisas simples que todos podemos aplicar no nosso dia a dia, e dar assim um pequeno grande contributo ao planeta! Dicas de como poupar, não poluir e respeitar a água:

  • Aposta em detergentes ecológicos que não poluem a água, nem o teu corpo! Para lavar a loiça não dispenso e garanto-te que vais notar diferença nas tuas mãos. Para todas as outras utilizações da casa, estes detergentes são regra geral mais concentrados e sendo aparentemente mais caros, acabam por compensar pois duram bastante;

  • No teu banho usa também sabonetes ou gel de banho naturais e biológicos. A tua pele agradece!

  • Mantém junto ao duche um balde ou alguidar onde possas deitar a primeira água do duche que sai fria e raramente se usa. Essa água pode ser usada depois para regar plantas ou descargas na sanita;

  • Por falar em regar plantas evita fazê-los às horas mais quentes pois favorece a evaporação da água. Rega as tuas plantas de manhã cedo ou ao final do dia;

  • Não faças descargas desnecessárias no autoclismo. Lembra-te que a sanita não é um caixote do lixo! Uma descarga liberta imensa água por isso fá-lo com consciência;

  • Os autoclismos de dupla descarga são os ideias pois podes optar por descargas maiores ou menores;

  • Coloca dentro do reservatório do autoclismo um garrafa cheia (de água ou areia) para que este encha com menos quantidade de água a cada descarga;

  • Fecha a torneira enquanto escovas os dentes, lavas o cabelo ou te ensaboas no banho;

  • Procura manter todos os canos da tua casa em bom estado, verifica se há fugas de água. Aquele "pingar" de água parece pouco mas ao fim de ano enchia uma piscina!

  • Se tiveres um jardim ou varanda, aproveita sempre que chover para encheres os reservatórios possíveis;

  • A água de lavar os legumes pode ser usada para regar plantas;

  • Não laves a loiça peça a peça. Junta várias peças passando-lhes detergente e usando a mínima quantidade de água para a enxaguar.

Por último sugiro que bebas bastante água. Além de te ajudar a limpar o corpo, mantém-te hidratado e ajuda todo o funcionamento dos órgãos. Evita comprar garrafas de plástico. Além de contribuíres para a diminuição do uso deste material, estás a contribuir para a tua saúde pois está mais que provado que a água dentro do plástico sobretudo submetida ao calor, fica altamente contaminada pela sua toxicidade. As garrafas de vidro, cerâmica, ou um bom metal, são hoje em dia facilmente encontradas em qualquer lugar. Sugiro-te que invistas num bom filtro de água para a tua casa. Os filtros para torneiras são os melhores e mais completos, mas sendo um pouco mais caros, sugiro pelo menos que usem os filtros para jarro (tipo Brita). Assim podem encher várias vezes a vossa garrafa portátil com uma água mais limpa e saudável. Lembra-te que a tua atitude pode inspirar os outros a mudarem os seus comportamentos.

A mudança começa sempre em cada um de nós!

#água #planeta #planetaterra #ecologia #poupar #corpo #cuidar

36 visualizações